Administrar os remetentes bloqueados

Neste tutorial Outlook, vamos estudar os passos para gerenciar os remetentes bloqueados em sua conta do Outlook.

Administrar os remetentes bloqueados

É um procedimento muito simples que permite bloquear pessoas e sem grandes dificuldades. Esse é um jeito simples e rápido de bloquear ou permitir o recebimento de e-mails que desejar.

Em muitos casos, se tornar uma ferramenta de auxílio que ajuda a evitar o recebimento de mensagens como propagandas e spam que alguns sites costumam enviar. Se você sofre com esse pequeno problema, basta seguir os passos que iremos ensinar e se livra desses incômodos.

Gerenciar remetentes bloqueados no Outlook.com

Ao decidir gerenciar os remetentes bloqueados no Outlook.com, isso contribuirá para que você possa selecionar quais e-mails recebidos serão permitidos em sua caixa e quais não serão. Assim, poderá obter um maior controle sobre a sua conta em questão.

Considere-se que todos os e-mails enviados pelos remetentes bloqueados não serão acessados na sua caixa. Eles também não irão para a pasta Spam. Simplesmente não estarão na sua conta.

Gerenciando remetentes bloqueados

Para gerenciar os remetentes bloqueados no Outlook.com, você, primeiramente, deve entrar na nossa caixa de e-mail. Para isso, basta entrar com seu usuário (e-mail) e senha.

Uma vez dentro, entre no menu que possui uma forma de roda dentada e pressione “Opções“. Na próxima tela, você deve selecionar “Remetente confiável e bloqueado”.

Finalmente aparecerão três opções diferentes. Clique em “remetentes bloqueados” para prosseguir.

Aqui você vai indicar cada uma das caixas de correio que deseja bloquear. Você também pode usar o domínio para incluir todas as contas nele contidas. Depois clique em “Adicionar à lista” para que o bloqueio seja realizado.

Se você desejar remover quaisquer remetentes atualmente bloqueados, basta selecionar o mesmo na lista à direita e clicar em “Remover da lista“. Assim, você pode administrar os remetentes bloqueados sempre que for necessário e os que você acredita ser prudente para continuar a receber.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.